Poema para ti

Poema para ti_P2.jpg
imagem: Alessandra Giacomin

por Isabel Dall’Agnol

Escavo memórias.
Reviro fotos.
Corro os dedos
na minha tatuagem.
Procuro-te,
em vão.

Tua ausência dói
no peito.
Inútil, gasto o tempo
entre papéis e melodias.
Sufoco lágrimas.
Prendo a atenção
no meu viver.

Quero a tua pele quente
sobre a minha.
Quero as tuas mãos
na minha boca.
Quero o teu sopro
na minha nuca.

Quero caminhar ao teu lado.
Quero a tua voz,
narrando histórias.
Quero os teus abraços e beijos.

Quero respirar o teu cheiro de bambu.
Quero assistir aos teus lábios,
enquanto me tocas.
Quero cada centímetro do teu corpo.

Quero a luz da tua câmara,
pousando na minha pele.
Quero o meu violão,
soando para ti.

Quero o reflexo do teu sabor
nos meus olhos.
Quero gastar todas as minhas palavras,
em um poema para ti.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s