A dança da Baderna

a-danc%cc%a7a-da-baderna_p2
imagem: Cassiano Rodka

por Cassiano Rodka

Entra no palco e brotam as palmas
Sobe na ponta e desponta em cores
Desce na planta do pé e aflora

Chuta pra longe os conservadores
Cospe na cara dos bons costumes
O seu concerto é desconcertante

Abre seus braços e redemoinha
Cria uma beleza deveras ousada
Ouve-se nas fileiras: “Que depravada!”

Do lundum ao arabesque
Do grand jeté à umbigada
Quem nasce do caos não é bem falada
E quem fala demais não sabe de nada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s