Bob Dylan em POA

bobdylanempoa01

por Cassiano Rodka

Assistir uma lenda viva em ação é sempre uma experiência incrível. É impossível não olhar para aquela figura no palco e pensar “cara, é ele!”, um músico que foi além dos outros, que se destacou da maioria, que espalhou suas composições por todo o mundo. E a lenda pode estar envelhecida, pode não ter tanto pique quanto antigamente, mas é ele ali no palco, carregando tanta história nas costas que chega a estar um pouco envergado.

Bob Dylan entrou com sua banda pontualmente às 21h no palco do Pepsi On Stage tocando “Leopard-Skin Pill-Box Hat”, uma sátira às vítimas da moda lançada em 1966 e que sempre inicia as apresentações dessa turnê. Em seguida, Bob Dylan engatou a sua clássica balada folk “It’s All Over Now, Baby Blue”. Sem muita enrolação entre uma música e outra, o cantor não costuma ficar de bate-papo com a plateia, mas abriu alguns sorrisos sinceros para o público, deixando claro de que estava satisfeito com a empolgação que tomou conta do local. E não foram só os clássicos que animaram a galera, músicas mais recentes como “Thunder on the Mountain” e “Beyond Here Lies Nothin'” também levantaram o público.

Do álbum “Highway 61 Revisited” surgiram algumas das melhores performances da noite: “Ballad of a Thin Man”, “Desolation Row”, “Like a Rolling Stone” e a faixa-título, grata surpresa no setlist. Fiquei surpreso também em ver o Dylan tantas vezes nos teclados. Em muitas canções ele deixava seu violão e sua gaita de boca de lado para escorregar seus dedos nas teclas de um moog. Depois de fazer o Pepsi inteiro cantar “Like a Rolling Stone”, Dylan apresentou a banda e fechou o set com um de seus maiores clássicos, “All Along the Watchtower”. Alguns minutos depois, o grupo voltou ao palco para tocar a última da noite, a indispensável “Blowin’ in the Wind” em uma versão mais animadinha que não me agradou muito, mas fez a festa do pessoal que estava presente. Ao final da apresentação, fica aquela sensação boa, uma grata satisfação em ter dividido uma noite com uma lenda viva da música.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s