Vai esquentando a temporada das premiações

por Pedro Cunha

Vai esquentando a temporada das premiações 01.jpg
“O Artista” pinta como um dos favoritos ao Oscar. Pelo menos até agora…

Começo de ano é sempre a mesma coisa: um monte de lançamentos e as tentativas de adivinhações em cima das premiações. Saíram do Globo de Ouro, semana passada, com prêmios e esperançosos para as indicações do Oscar aqueles que já eram falados antes: a produção franco-belga O Artista (The Artist, Michel Hazanavicius, 2011, estreia no Brasil prevista para 10 de fevereiro) e sua homenagem ao cinema mudo faturou três prêmios (Melhor Filme – comédia ou musical – , Melhor Ator em Comédia ou Musical – Jean Dujardin e, suprema ironia, Melhor Trilha Sonora) e é definitivamente um dos filmes que eu estou mais ansioso para ver. Os Descendentes (The Descendants, Alexander Payne, 2011, já em cartaz no Brasil) ganhou o prêmio de Melhor Filme – Drama – e rendeu a George Clooney o prêmio de Melhor Ator em Drama. É a terceira vez que Clooney vence nessa categoria (as outras foram por Conduta de Risco (Michael Clayton, 2008) e Amor Sem Escalas (Up in the Air, Jason Reitman, Tony Gilroy, 2010). Ele já venceu também na categoria de Melhor Ator em Comédia ou Musical, por E aí, Meu Irmão, Cadê Você (O, Brother, Where Art Thou?, Joel e Ethan Coen, 2000). Será que é dessa vez que Clooney leva o Oscar de Melhor Ator? A Academia gosta bastante dele e ele faz o tipo da Academia… Meryl Streep e Martin Scorsese foram premiados nas categorias Melhor Atriz em Drama e Melhor Diretor. Surpresa alguma. Woody Allen levou o prêmio de Melhor Roteiro pelo excelente “Meia Noite em Paris”. Até aí, sem grandes novidades, também…

Vai esquentando a temporada das premiações 02.jpg
Clooney e seu quarto Globo de Ouro: Será que ele leva o Oscar de Melhor Ator esse ano?

E para o Brasil a notícia chata da semana é que, de novo, estamos fora da disputa pelo Oscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira. Ao contrário do ano passado, quando nosso concorrente foi indicado não pela qualidade mas por critérios políticos, em 2012 o indicado foi (e não poderia deixar de ser) Tropa de Elite 2, de José Padilha. A Academia divulgou nessa quinta a lista prévia dos concorrentes na categoria e, infelizmente, o filme de Padilha ficou de fora. Enfim, vamos ver depois os candidatos e ver se realmente há algum filme melhor que Tropa 2, que eu considero um baita filme…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s